LIGA DE FUTEBOL 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO
 
FILIADO
  
PARTICIPE      HALL DA FAMA      RANKING      BID      LIGAS REGIONAIS      CONTATO
 
NOTÍCIAS
PÁGINA INICIAL > NOTÍCIAS

Enverga, mas não quebra!

EPE faz 10 anos!

Data: 31/01/2018
Essa notícia foi lida 1158 vezes


Há quase 10 anos, Gustavo Maranhão recebia uma ligação. Do outro lado da linha, o interlocutor, se identificava como "Paçoca" e queria colocar na Liga seu time de amigos do CEFET-RJ, o "Envergadão Pra Esquerda".

Logo de cara, a reação foi de riso! Mais ainda quando no primeiro jogo, ainda com os uniformes branco e vermelho, vimos o escudo do EPE: Um coqueiro envergando pra esquerda e 2 côcos nas extremidades. Mais debochado impossível!

Penso que nem eles mesmos acreditariam que 10 anos depois, aquela brincadeira organizada no Cabana da Serra se tornaria um projeto vencedor, que os uniria colegas de faculdade numa amizade talvez por toda a vida.

Com o passar do tempo, o EPE foi se consolidando e progredindo na Liga. As cores mudaram. Agora, a camisa era grená, com detalhes em amarelo e os calções negros (combinação única na Liga) enquanto que o escudo manteve o coqueiro, mas as cores mudaram. Foi nessa época que Paçoca, em busca de patrocínio, também quis mudar o nome pra "Engenharia Pró Esporte". Apesar de interessante, a idéia não foi pra frente. O estilo "Envergadão" já estava impregnado na galera do EPE.

Um dos times que mais jogou na história da Liga (246 jogos, sendo 205 oficiais), o EPE teve seu auge nos anos de 2011 e 2012. Nessa época foi vice-campeão Municipal da 3ª divisão e caiu na semi do Rio x Niterói da 2ª divisão. Em 2012, frequentou a 1ª divisão, onde eliminou favoritos como Ouro Negro e só caiu na semi diante do poderoso Iate Modus. Por toda essa regularidade, é top 15 no ranking geral da Liga.

Uma das grandes características do EPE foi contar com homens-gol muito eficientes. Não raro, Diogo e, principalmente Murad (a alma do EPE), eram artilheiros das competições que disputavam.

Mas nem só de goleadores vive o EPE! Os zagueiros Igor Zangief e Guto marcaram época, assim como os goleiros Tiesta e Rafael. Isso sem falar em Ricardinho (o cérebro da equipe) e do próprio Paçoca, que virou técnico, mas continua sendo o coração do Envergadão.

Não se pode falar no EPE, sem esses caras, mas também não se pode esquecer do Portuga: "o pior reserva do mundo". Certa vez, um integrante do EPE confessou à Gustavo Maranhão ao ser perguntado da atuação de Portuga: "Como jogador, o Portuga, é o melhor amigo que podemos ter no EPE. Ele tá aqui pela resenha e é isso que importa!" Mais EPE impossível!

Vida longa ao Envergadão! Parabéns pelos 10 anos!

Como vociferava Paçoca, antes de cada jogo: 

"EPE! Raça!
EPE! Força!
EPEEEE!!!! Vencer, Vencer, Vencer!" 


Na foto que ilustra o post, o EPE vice-campeão da 3ª divisão com sua tradicional coreografia de comemoração. Abaixo, o EPE comemorando os  10 anos!







LEIA TAMBÉM!

Recopa
16 avos
CDL
16 Avos
Punições!
Confira.
Primeira: Resumão!
Quase lá!
Segunda: Resumão!
Quartas!
Terceira: Resumão!
Quartas!



 
 
COMPETIÇÕES INFORMAÇÕES PARA VOCÊ  
Campeonatos
Campeões
Calendário
Atletas
Documentos
BID
Notícias
Jogos do Dia
Fut7pédia
Ranking
Clube dos 100
Vai e Vem
Amistosos
Clube de Vantagens
INSTITUCIONAL
Contato
Participe
Regionais
 
Copyright© 2018 LIGA DE FUTEBOL 7 SOCIETY DO RIO DE JANEIRO.